Coberta de pó de farinha em uma matéria sobre a tradição dos engenhos em Santa Catarina. Foto: Marco Santiago
Coberta de pó de farinha em uma matéria sobre a tradição dos engenhos em Santa Catarina. Foto: Marco Santiago

Aline Torres sempre quis ser jornalista. Escreveu seu primeiro jornal aos oito anos. Era sobre o tempo. Na adolescência colecionava recortes de matérias curiosas. Aos 18 anos, ingressou no curso de Jornalismo – e no primeiro semestre publicou sua primeira matéria “A Vida é um Brilho Fugaz” numa das revistas mais importantes do país, a Caros Amigos.

Desde lá construiu uma sólida carreira. Tem dez anos de experiência como repórter e escreve para os principais jornais do Brasil, como UOL, Folha de S. Paulo e Estadão. Colabora também para veículos internacionais como El País e BBC. Roteirizou e dirigiu os documentários “Em Busca da Terra do Nunca”, sobre crianças abandonadas nas ruas de Porto Alegre, e “Vênus do Cárcere”, uma releitura dos mitos greco-romanos com detentas do sistema prisional brasileiro.

Sua principal característica profissional é aliar apuração rigorosa, com um texto bem escrito, prazeroso de ler, com fortes elementos da Literatura. É uma profissional realizada e feliz pelas suas escolhas, que decidiu nos últimos anos dar um passo a mais. Este é o motivo para fazer da editora Construtores de Memórias seu novo projeto de vida. Seu propósito sempre foi contar boas histórias, que façam a diferença e que deem significado aos dias.

A jornalista tem dois livros publicados. “No Princípio era a Fé”, em comemoração aos 50 anos de história da Associação dos Hospitais de Santa Catarina, e “Deus T’abençoe”, com selo da Construtores de Memórias, que narra a jornada de um casal de italianos que foi angariado no pós-Segunda Guerra Mundial para colonizar o Centro-Oeste brasileiro, uma grande vazio demográfico na época. Uma história real de esperança e bravura.

Seu objetivo é dedicar tempo, talento e esforço para descobrir o valor inesperado de eternizar memórias.  Num mundo líquido, algo que quando bem guardado não pode ser dissolvido.

Portfolio